Portal do Senador Walter Pinheiro

/ h

Notícias

Pinheiro participou da comemoração dos 90 anos da Liga Álvaro Bahia

O senador Walter Pinheiro (PT-BA) participou, na noite desta segunda-feira (17), das comemorações dos 90 anos de fundação da Liga Álvaro Bahia, entidade filantrópica mantenedora do Hospital Martagão Gesteira e da Escola de Puericultura Raymundo Pereira de Magalhães. A solenidade foi realizada na Pupileira, no bairro de Nazaré, em Salvador.

Fundada nos anos 20, quando a Bahia apresentava um quadro alarmante de mortalidade infantil, a Liga Álvaro Bahia, então Liga Baiana Contra a Mortalidade Infantil, atuou de forma pioneira, buscando, com bases científicas, combater os métodos assistenciais da época. Estimulou o ensino e a pesquisa na área da pediatria, desenvolvendo, em paralelo, o serviço de assistência materna e puerperal (pós-parto).

“A Liga Álvaro Bahia é marcada, ao longo dos seus 90 anos de atuação, não apenas pelo pioneirismo, mas também pela preocupação com a assistência, a cobertura à saúde, ao atendimento às crianças e mães. Nesses tempos atuais, com modernos tratamentos e novos medicamentos, só uma instituição com 90 anos de atuação sabe como foi difícil realizar o atendimento com comprometimento, inclusive alheio à capacidade de ajuda do poder público”, destacou Pinheiro.

A solenidade contou ainda com a entrega de medalhas comemorativas dos 90 anos e a outorga do título de “Sócio Benemérito”, além do lançamento do carimbo e selo personalizados dos Correios. O senador Pinheiro recebeu uma cópia do selo que marca a comemoração. “Estamos oferecendo esta homenagem para agradecer a todos aqueles que contribuem para esta instituição cumprir a sua missão”, afirmou a presidente da Liga, Rosina Bahia.

Segundo ela, com as parcerias firmadas com o governo estadual foi possível evitar o fechamento do Hospital Martagão Gesteira, unidade referência em pediatria, com mais de 30 especialidades, inclusive de alta complexidade, e a Escola de Puericultura, que estava desativada e agora está em obras e será reativada como um serviço para atendimento a crianças e adolescentes com necessidades especiais. “A gente está vendo o progresso e o desenvolvimento da instituição e, o que é melhor, a manutenção da sua missão de prestar este serviço às crianças carente”.

Atendimento

O Hospital Martagão Gesteira realiza 600 atendimentos diários, entre consultas, exames, internações e cirurgias. A unidade conta com mais de 20 especialidades médicas voltadas para crianças de 0 a 14 anos, oferecendo tratamentos de alta complexidade em áreas como neurocirurgia, cardiologia e oncologia.

De acordo com o diretor da unidade, Carlos Emanuel Rocha de Melo, os recursos liberados pelo governo estadual garantem o bom funcionamento do Martagão Gesteira. “A partir de 2009, passamos a trabalhar em conjunto com o Governo do Estado para identificar os gargalos no atendimento à criança na Bahia e hoje o hospital está voltado para resolver os problemas de alta complexidade na área de pediatria”.

Ainda nos anos 20, a Liga Álvaro Bahia criou o seu primeiro Consultório de Lactentes e, na década de 30, o primeiro Banco de Leite Materno do Brasil, apresentando à sociedade a importância do aleitamento materno para a mãe e para o desenvolvimento da criança. Combateu, de forma inovadora, o tratamento de patologias infantis da época, entendendo a assistência enquanto bem estar físico, psíquico e social.

Percebendo a necessidade de maior e melhor estrutura, qualidade e quantidade em serviços e atendimentos, Álvaro Bahia idealizou a construção de um Hospital, produto de seu sonho inabalável, o Hospital Martagão Gesteira. Foram 18 anos de luta, que mobilizou a classe médica, a sociedade baiana e as autoridades de saúde, nos âmbitos municipal, estadual e federal. O pediatra que dedicou a vida à medicina planejou o hospital em seus mínimos detalhes. O grande idealista faleceu em 8 de outubro de 1964, aos 72 anos, sem ver o seu hospital inaugurado, embora já pronto.

Foto: Adenilson Nunes /GOVBA